sexta-feira, outubro 28, 2005

plágio para um passeio a dois

Piet Mondriaan, A Árvore Cinzenta, 1912


Cada árvore é um ser para ser em nós

Cada árvore é um ser para ser em nós
Para ver uma árvore não basta vê-la
a árvore é uma lenta reverência
uma presença reminiscente
uma habitação perdida
e encontrada
À sombra de uma árvore
o tempo já não é o tempo
mas a magia de um instante que começa sem fim
a árvore apazigua-nos com a sua atmosfera de folhas
e de sombras interiores
nós habitamos a árvore com a nossa respiração
com a da árvore
com a árvore nós partilhamos o mundo com os deuses


António Ramos Rosa

6 scone(s)

Às 28/10/05 09:29, Blogger amie disse...

que bonito.

 
Às 28/10/05 10:13, Blogger Pipa disse...

Que bela surpresa.... voltaste.... já tava quase a espalhar pela cidade uns cartazes com a tua foto e a mensagem "MISSING"!!!!

:))))

 
Às 28/10/05 12:05, Blogger Carolina disse...

Um bom e bonito regresso!!!

 
Às 28/10/05 15:12, Blogger Cerejinha disse...

Que combinação: apetece levála para casa, pendurá-la na parede e contemplá-la ao som da natureza.
:-)
Bom fim-de-semana!

 
Às 31/10/05 17:17, Blogger Fada da felicidade disse...

*

 
Às 1/11/05 12:43, Blogger Duarte disse...

Voltei? Que ideia! Estive sempre aqui, só que mais apagado.

Bom feriado para tod@s!

 

Enviar um comentário

<< voltar