quarta-feira, setembro 21, 2005

coisas que ajudam a digestão

Paisagens aprazíveis, paisagens desoladas.
Paisagens da estrada da vida mais que da superfície da Terra.
Paisagens do tempo que lentamente flui, quase imóvel, que flui para trás.
Paisagens dos pedaços de carne, dos nervos lacerados, das saudades.
Paisagens para cobrir as chagas, o aço, o estilhaço, o mal, a época, a mobilização, a corda ao pescoço.
Paisagens para abolir os gritos.
Paisagens como se tapa a cabeça com um lençol.


Henri Michaux, Doze Nós Numa Corda (poemas traduzidos por Herberto Helder)


Boa noite*

4 scone(s)

Às 22/9/05 09:19, Blogger Desconhecida disse...

Bem...perante tal beleza de poema, nem sei que dizer...um pouco alternativo, mas com uma essência tal que de facto ajuda na digestão, não sei bem é do quê, mas tá bem!!! Gostei

Beijos e obrigada pelas boas vindas

 
Às 22/9/05 10:42, Blogger Carolina disse...

Ah....

 
Às 22/9/05 14:22, Blogger corpo visível disse...

.
este poema é lindíssimo!
.
para hoje:
.
paisagens para abolir os gritos
.

 
Às 22/9/05 23:09, Blogger Duarte disse...

paisagens do tempo que lentamente flui, quase imóvel, que flui para trás

. . .

 

Enviar um comentário

<< voltar